1.12.08

fauna doméstica

caso v. tenha um jardim já se perguntou que animais vive nele?
não apenas um provavel animal domesticado, mas a fauna selvagem que nele vive.
e se v. acha que precisa de muito mato pra encontrar essa fauna, se engana.
a fauna urbana é bem menos valorizada do que deveria, como se a cidade não constituísse um ecossitema de verdade. pois bem, a cidade é um ecossistema de verdade, muito complexo, muito dinâmico, e onde boa parte da nossa própria espécie vive. ah, e claro, conhecemos muito pouco sobre tudo isso.

em casa as vezes encontro alguns artópodos (insetos, aracnídeos, quilópodos) vagando por aí, mas os mais fáceis de serem visualizados são as aves como rolinhas (Columbina talpacoti), avoantes (Zenaida auriculata) , sabiás-laranjeiras (Turdus rufiventris), bem-te-vis (Pitangus sulphuratus), bicos-de-lacre (Estrilda astrild), entre outros - principalmente passeriformes (popularmente conhecidos simplesmente como pássaros).
e neste fim-de-semana, tive a oportunidade de encontrar um ninho (ainda não sei do quê), na dama-da-noite (Cestrum nocturnum) que tem aqui no quintal.


foto superior: visão geral do ninho
foto inferior: visão de cima do ninho

um ninho é uma estrutura muito bem acabada, é o lugar onde são chocados os ovos e criados os filhotes, e apesar de nunca mencionado, é uma coisa utilizado quase exclusivamente para estes fins - não sei porquê, mas eu só descobri depois de conversar com ornitólogos, e nunca encontrei nada na literatura ornitológica que diga isso -; os ninhos podem ser utilizados na próxima estação reprodutiva ou não. e possivelmente é utilizado por outras espécies oportunistas.

nas cidades os ninhos podem conter materiais antropogênicos, como plásticos, aliás se v. observar a 1ª foto ampliada verá uns fios de sacos plásticos utilizados no ninho.

e o mais legal é que estes animais se associam ao homem, por isso, antes de serem simplesmente urbanóides, são essencialmente sinantrópicos, pois damos oportunidades a estes animais incríveis.
tais oportunidades são tecnicamente o aumento da capacidade suporte*.

e assim a vida selvagem sobrevive na cidade.

glossário
*capacidade suporte é a medida que mensura o tamanho populacional suportado por determinado ambiente. animais muito exigentes (de hábitos especializados) se dão mal num ecossistema urbano, por outro lado os menos exigentes (de hábitos oportunistas e generalistas como os próprios humanos) se dão muito bem por se associarem aos nossos hábitos - principalmente pela facilidade de abrigo e alimento.

Um comentário:

ligia disse...

ei!! que isso?
"tive a oportunidade de encontrar?" se dependesse de vc, o ninho continuaria no anonimato por mais uns dias, pelo menos...
2 novas coisas no jardim (ninho, e aquela haste roxinha)... um bom saldo prum final de semana, não acha?

ps. boas fotos! quero metade dos créditos