13.8.12

campanha permanente contra os agrotóxicos e pela vida @catarse


"vocês sabem o que vocês comem?
vocês sabem o que têm no que vocês comem?"

Com essas duas simples indagações começa o argumento deste vídeo da campanha permanente contra os agrotóxicos e pela vida.
Os agrotóxicos são a cereja do bolo do pacote tecnológico da revolução verde.
Para os leigos o termo pode até soar 'filho de nosso tempo', em que até o mercado é verde, mas não.

Segundo a wikipédia, a revolução verde era "um amplo programa idealizado para aumentar a produção agrícola no mundo por meio do 'melhoramento genético' de sementes, uso intensivo de insumos industriais, mecanização e redução do custo de manejo".

Em tese os países industrializados produziriam mais comida e assim estaríamos um passo mais perto de acabarmos com a fome no mundo. A idéia é linda. Rendeu até o Nobel da Paz para Norman Bourlag por possibilitar grande aumento da produtividade agrícola dando segurança alimentar a diversos povos que antes estavam na fome. Até eu daria um prêmio Nobel prum cara desses. Naqueles tempos.

Hoje em dia já sabemos de uma série de consequências, algumas boas e outras muito ruins, do uso dessas técnicas assim como também conhecemos formas mais apropriadas de produzir alimentos.
É nesse intuito que a campanha visa arrecadar fundos para desenvolver cartilhas para divulgar essas idéias.
Para colaborar v. pode contrbuir com o crowdfunding no catarse.

A cada categoria de contribuição v. pode receber recompensas de vários tipos, dentre os quais o vídeo de Silvio Tendler O veneno está a mesa, que pode ser visto na íntegra abaixo.




Contamos com a sua colaboração na divulgação.

Nenhum comentário: